O médico e ex-candidato presidencial Fernando Nobre manifestou esta quinta-feira uma opinião contrária à obrigatoriedade do uso de máscara na via pública, deixando mesmo o apelo aos deputados da Assembleia da República que votem contra essa obrigatoriedade. Em causa está, segundo este médico, a necessidade de garantir direitos e liberdades fundamentais de todos em tempos de pandemia.

Citado pela agência Lusa, Fernando Nobre defendeu a necessidade de acautelar os direitos, liberdades e garantias preconizados pela Constituição e que poderão ser colocados em causa se for aprovada a obrigatoriedade do uso de máscara na via pública.

“Sinto-me coagido nas minhas liberdades, direitos e garantias que são indeclináveis e que não podem estar sujeitas a interpretações porque isso pode-se tornar perigoso. Daí eu apelar para que os senhores deputados, que o senhor Presidente da República (que é constitucionalista e jurista) e que o Tribunal Constitucional, por favor zelem pelos direitos liberdades e garantias de todos os cidadãos portugueses”, afirmou Fernando Nobre.

Pin It