×

Mensagem

Failed loading XML...

O NOS Alive tem continuidade assegurada pelo menos para os próximos cinco anos e no Passeio Marítimo de Algés, recinto que deverá receber alguns melhoramentos como garantiu o presidente da Câmara Municipal de Oeiras, Isaltino Morais, na conferência de Imprensa em que o responsável máximo pela organização deste festival, Álvaro Covões, o homem forte da Everything Is New, mas também a directora de marketing da NOS, Rita Torres Baptista, deram conta do agrado com que chegaram ao final de mais uma edição do festival que fechou este sábado a sua 12ª edição no Passeio Marítimo de Algés.

Na conferência de Imprensa, realizada no espaço dedicado uma vez mais aos jornalistas dentro do recinto do festival, após o concerto de Jack White e a anteceder a presença em palco da banda Pearl Jam, Álvaro Covões confirmou que o Alive está para durar, acabando ainda assim por ser Isaltino Morais a garantir que a parceria da autarquia com este festival está longe de ser uma parceria meramente conjuntural, sendo antes algo para manter e para os próximos cinco anos. Segundo o autarca, um protocolo agora assinado vem validar a parceria para os próximos cinco anos, algo que, disse, “irá dar estabilidade à realização do festival e criar condições para que os níveis de satisfação que já foram atingidos possam ainda melhorar”.

Para a autarquia, de acordo com as palavras de Isaltino Morais, “é importante criar melhores condições de mobilidade, de acessibilidade e de segurança, algo que irá permitir uma melhor estadia a todos os que participam no festival e irá criar todas as condições para que, nos próximos cinco anos, exista uma evolução muito positiva”. O presidente da Câmara Municipal de Oeiras elogiou ainda toda a organização, deixando uma garantia: “Estamos todos orgulhosos e satisfeitos com o nível de excelência que este festival atingiu.”

14jul Nos Alyve2018 2300

Por seu turno, Álvaro Covões, Diretor do NOS Alive, também fez um balanço positivo desta que foi a 12ª edição do festival, evento que recebeu diariamente mais de 55 mil pessoas. Quanto às infra-estruturas, Álvaro Covões congratulou-se pelas melhorias na saída do recinto e enalteceu o trabalho no local da PSP, dos bombeiros, da Proteção Civil e da equipa de segurança, que permitiram, por exemplo, que o túnel de passagem sobre a linha férrea na estação de comboios de Algés pudesse ter estado aberto durante as noites do festival, contribuindo para uma melhor mobilidade dos festavaleiros.

Álvaro Covões chamou ainda a atenção para algumas das novidades da edição deste ano, nomeadamente a instalação do artista Bordalo II, colocada no Palco Comédia, sem dúvida um dos palcos mais populares do festival.

Restará referir que já existe data para o festival NOS Alive para a edição do próximo ano, em 2019, altura em que este evento deverá regressar ao Passeio Marítimo de Algés nos dias 11, 12 e 13 de Julho.

reportagem: Ana Cristina Augusto e Jorge Reis
fotos: JCMyro

Pin It