poesia.herbertoHerberto Helder, escritor e poeta, morreu segunda-feira, em Cascais. O jornal Público, que avançou a notícia na sua edição online, diz que morreu o “maior poeta português da segunda metade do século XX”. Contava 84 anos

Natural do Funchal, não gostava de dar entrevistas, não se deixava fotografar e frequentemente recusava prémios. Frequentou a Faculdade de Direito de Coimbra, mas transferiu-se para Letras e para o curso de Filologia Romântica, que não chegou a acabar. Homem de vários ofícios, trabalhou como angariador de publicidade, esteve fora do país onde exerceu várias profissões, foi bibliotecário e jornalista. 

O seu primeiro livro, ‘O Amor em Visita’, foi publicado em 1958. O último, ‘A Morte Sem Mestre’, foi publicado em 2014.

Pin It