Determinado, com garra e a acreditar na sua capacidade mesmo quando precisou de correr atrás do prejuízo, o Benfica conseguiu travar o vitorioso Ajax (a turma holandesa venceu todos os jogos da fase de grupos da Champions) e impor um empate (2-2) na primeira mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões da UEFA. Com uma boa entrada no jogo, o conjunto benfiquista apareceu perante o seu público a discutir os lances e a chegar mesmo até à baliza do Ajax que, quando atacava, procurava usar o lado direito do ataque com o apoio do lateral marroquino Mazraoui nas costas do brasileiro Anthony.

Muita luta pela posse de bola nos primeiros minutos do jogo permitiram emoção e o apoio constante do público da Luz entusiasmado pela entrega dos jogadores da equipa da casa. Todavia, o primeiro golo do jogo surgiu mesmo para o Ajax — uma bola perdida por Grimaldo permitiu que a equipa do Ajax apostasse num cruzamento feito à vontade para o segundo poste onde apareceu Tadic sem qualquer marcação a fazer o primeiro golo do jogo aos 17 minutos, com um remate fácil de pé direito —, apontado pelo internacional sérvio Tadic, o mesmo que marcou ao serviço da selecção sérvia neste mesmo Estádio da Luz quando os sérvios venceram Portugal por 2-1.

SLB Ajax 002

SLB Ajax 003

SLB Ajax 004

Sem facilitar e mostrando-se igual a si próprio, o Ajax construiu o melhor lance na primeira oportunidade que teve e chegou ao golo perante um Benfica com muitas falhas de organização. A defender sobre brasas, o Benfica conseguia, ainda assim, colocar em sentido o adversário. Mazraoui recebeu o primeiro cartão amarelo do jogo depois de uma placagem a Everton e Rafa pareceu acordar após esse lance, aparecendo do lado direito do ataque para um lance em que Vertonghen, com um trabalho brilhante, cruzou para a pequena área levando a bola a bater nas pernas de Haller para um auto-golo deste jogador do Ajax. Estava assim reposta a igualdade ao minuto 26'.

O problema para o Benfica é que, três minutos depois, o mesmo Haller acabou por fazer o terceiro golo do jogo e segundo para o Ajax, depois de uma primeira defesa incompleta de Vlachodimos. Ao minuto 29', o Ajax voltava a colocar-se em vantagem no 1-2 por esta altura merecido para o Ajax. Refira-se que antes do golo de Haller, Darwin Nuñez foi carregado em falta e o árbitro não assinalou o livre respectivo que poderia levar perigo para a baliza do Ajax. Até ao intervalo, porém, ninguém mais voltou a marcar pelo que só no segundo tempo voltaria a surgir a festa do golo, e para a equipa da casa.

SLB Ajax 005

SLB Ajax 006

SLB Ajax 007

O técnico benfiquista Nélson Veríssimo entendeu então mexer na equipa e ao minuto 62 chamou a jogo o ucraniano Yaremchuck por troca com o extremo brasileiro Everton 'Cebolinha', uma troca que se revelaria feliz para os “encarnados” já que, ao minuto 72', exactamente dez minutos depois da entrada em campo, este mesmo Yaremchuck surgiu no sítio certo para uma recarga a um remate de Gonçalo Ramos.

O “miúdo” do Benfica rematou forte e colocado, o guarda-redes Remko Pasveer defendeu para a frente e Yaremchuck apareceu a empurrar a bola para a baliza do Ajax, fazendo o 2-2 que viria a ser resultado final.

SLB Ajax 008

SLB Ajax 009

SLB Ajax 010

Feliz com o golo, o jogador ucraniano fez questão de tirar a camisola do Benfica para mostrar uma camisola interior com o “Tryzub”, o “tridente ucraniano”, símbolo do exército do seu país, a Ucrânia, manifestando-se assim a favor da Ucrânia e contra qualquer ofensiva militar da Rússia em solo ucraniano, dando afinal um significado bem maior ao golo que permitiu o empate para o Benfica.

Até ao final o resultado não voltou a sofrer qualquer alteração, conseguindo o Benfica um tão precioso quanto justo e porventura inesperado empate perante o Ajax, equipa que pela primeira vez na presente temporada terminou um jogo das competições europeias sem averbar uma vitória.

O próximo jogo dos “encarnados” para a Liga dos Campeões, de novo frente ao Ajax mas nos Países Baixos, deverá ocorrer no próximo dia 15 de Março em Amesterdão.

SLB Ajax 011

SLB Ajax 013

SLB Ajax 014

SLB Ajax 015

texto: Jorge Reis
fotos: ©UEFA
Pin It