Nova data de exame para alunos afectados por greveOs alunos que não conseguirem realizar o exame nacional de Português na próxima segunda-feira, conforme o previsto, devido à greve dos professores, vão ter uma nova data para efectuar a prova , de acordo com uma notícia avançada pelo Diário Económico.

Apesar de o ministro da Educação, Nuno Crato, não ter, até ao momento, anunciado qual vai ser a solução para os estudantes que sejam afectados pela greve dos docentes, uma fonte do Governo avançou, em declarações ao Diário Económico, que "quem não fizer exame terá uma nova data", a qual está ainda a ser estudada, sendo certo que a mesma será durante a primeira fase dos exames.

Embora esta situação não esteja prevista no regulamento dos exames nacionais, segundo a mesma fonte, será esta a opção escolhida pelo Executivo liderado por Pedro Passos Coelho para "não prejudicar os alunos das escolas públicas" em relação aos "alunos do privado" na candidatura ao acesso ao superior, uma vez que, de acordo com as regras definidas por Nuno Crato, em vigor desde o ano passado, só os alunos que efectuem todos os exames nacionais durante a primeira chamada, que é agora obrigatória, podem concorrer à primeira fase de candidaturas ao superior, facto que poderia colocar os estudantes do ensino público em desvantagem, uma vez que a adesão à greve dos professores das escolas públicas tem sido forte.

Pin It