Mais de 90% dos candidatos colocados na 1ª faseMais de 90% dos candidatos a uma vaga no ensino superior conseguiram colocação na primeira fase do concurso nacional, tendo 37.415 dos 40.419 estudantes sido colocados numa universidade ou politécnico , e em 60% dos casos na primeira opção escolhida.

De acordo com os dados divulgados este fim-de-semana pela Direcção Geral do Ensino Superior (DGES), 93% dos candidatos ao ensino superior conseguiu colocação na 1ª fase do concurso nacional, um registo superior ao de 2012, ano em que 90% dos alunos conseguiu ocupar uma das vagas a concurso.

Das 51.461 vagas existentes sobraram, este ano, 14.176, mais 1.870 do que as 12.306 que sobraram em 2012, ano em que havia disponíveis 52.298 lugares no ensino superior. Entre as vagas disponíveis no sistema público, 28.467 são em universidades e 22.994 em institutos politécnicos. Nas universidades, a procura superou a oferta, com 29.190 alunos a candidatarem-se em primeiras opção a um curso universitário, enquanto, nos institutos politécnicos, apenas 49% das vagas preenchidas foram ocupadas por alunos que escolheram estas instituições como primeira opção.

Apesar de a procura ter sido superior à oferta, ficaram por ocupar 3.891 vagas nas universidades, o que se traduziu num aumento de mais de mil vagas sobrantes em relação às 2.867 por preencher em 2012. Nos politécnicos, sobraram, na 1ª fase, 10.285 vagas, um número superior às 9.439 que ficaram por ocupar em 2012.

Na 1ª fase do concurso nacional deste ano, 87% das vagas nas universidades foram ocupadas, tendo sucedido o mesmo a 55% dos lugares disponíveis nos institutos politécnicos, um registo inferior ao do ano transacto.

Pin It