Eusebio06Ao longo dos muitos anos de carreira que levo enquanto jornalista, e muitos que fiz como jornalista desportivo, tive oportunidade de privar com Eusébio em alguns momentos, um verdadeiro Senhor que respeitou sempre o trabalho dos jornalistas, com quem dialogava sem arrogâncias nem tiques de superioridade, ele que era, e até por via disso, o verdadeiro Rei do futebol português.

Só quem teve oportunidade de estar com Eusébio além fronteiras, mesmo várias anos depois do King ter deixado de jogar à bola, sabe como ele era reconhecido pelos estrangeiros dos quatro cantos do Mundo, e era um orgulho ver como todos gostavam de Portugal porque gostavam de Eusébio.

Pessoalmente, tive oportunidade de ver um único jogo de Eusébio, no antigo terceiro anel do Estádio da Luz, onde fui levado pelo meu tio Valentim, irmão do meu pai, benfiquista dos sete costados que levava a família de vermelho vestida à Catedral.

Eu era um miúdo de seis, sete anos, e as imagens que guardo desse jogo são poucas, um jogo entre Benfica e Beira-Mar que terminou com Eusébio a chutar bolas para a bancada. Não apanhei nenhuma dessas bolas, mas saí do Estádio da Luz convencido pelo meu tio que também eu só poderia ser benfiquista, do clube do Eusébio.

Com o passar dos anos, facilmente percebi que o Eusébio era efectivamente do Benfica, mas era afinal de Portugal, de todos nós, de um País que Eusébio deu a conhecer quando Portugal se encontrava fechado sobre si mesmo.

Hoje, o meu tio Valentim, e a minha querida tia Irene, voltaram a encontrar o seu ídolo, Eusébio, que joga agora nos relvados dos céus.

Não vamos ter mais aquela toalha agarrada pelas mãos do King nos jogos da Selecção Nacional, nem a teremos, por exemplo, no Brasil, quando Ronaldo e a sua esquadra for até ao país do samba lutar pelo Mundial, competição que não ganhámos em 1966, o ano em que nasci, mas que, quem sabe, poderemos vencer este ano... com a benção de Eusébio.

Dá-nos a tua benção Eusébio!

JorgeReis

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Pin It